A principal equipe brasileira de Counte-Strike: Global Offensive a SK Gaming acabou não se classificando para etapa presencial da ECS, mas o Brasil foi representado pela Luminosity Gaming e Team Liquid com Epitacio “Taco” de Melo e Wilton “Zews” Prado. 
Os blues da LG não conseguiram fazer um bom torneio, foram varridos pela FaZe clan por 16-1 e na md3 perderam por 2-0 para os franceses da G2. 

Destaque da etapa online e após bater a FaZe clan pelo primeiro lugar do grupo, a NRG acabou caindo para a Team Liquid na semi-final, mas surpreendeu a todos com uma campanha brilhante. 
A final entre Liquid e Astralis, foi a reedição da partida da primeira fase e novamente vantagem para os dinamarqueses 2-0 na md3.