Counter-Strike: Global Offensive

Follow
9.3

Incrível

10

User Avg

Vitality e Astralis garantem suas vagas nas semis

Abrindo os jogos do grupo B, Vitality enfrentou a Heretics e Astralis jogou contra a fnatic. Os dois duelos terminaram em 2 a 0 para os classificados, Vitality e Astralis.

O duelo entre os franceses aconteceu na Dust 2 e na Overpass, já entre os dinamarqueses e os suecos foi jogado na Nuke e na Train.

Vitality e Astralis jogarão novamente no sábado, pelas semis do grupo A. Já a Heretics e a fnatic jogarão na quinta, para sobreviverem no torneio.

O duelo francês

O primeiro mapa da MD3 foi Dust 2. A Heretics ganhou o pistol e o segundo round, mas viu a Vitality, jogando como CT, pegar gosto pelo jogo e abrir uma boa vantagem na primeira metade, por 11 a 4. Assim como a Heretics, a Vitality sofreu jogando pelo lado TR. Aos trancos e barrancos, conseguiu fazer cinco rounds, dos doze disputados, na segunda metade, ganhando o mapa por 16 a 13.

A Overpass foi o mapa decisivo. A Vitality não passou sufoco, começou jogando como TR e ganhou a primeira metade por 9 a 6. Eles mantiveram a boa campanha, perderam somente dois rounds, no segundo half, e fecharam o mapa em um 16 a 8.

Briga de gigantes

O embate entre Astralis e fnatic marcou o fim do primeiro dia de jogos na Europa. Os dinamarqueses escolheram Nuke para o primeiro mapa do confronto e passaram, com certa facilidade, por cima do time sueco. Jogando como TR, executaram boas táticas e ganharam o primeiro half por 10 a 5. Na troca de lados, não deram chances para a fnatic buscar uma sobrevida no jogo, fizeram os seis rounds necessários e o mapa acabou 16 a 5 para a Astralis.

Diferente do que aconteceu na Nuke, a Train, mapa de escolha da fnatic, foi bem disputada e chegou até o OT. A primeira metade começou com certo domínio da Astralis, mas terminou com a vantagem mínima de 8 a 7 para os dinamarqueses. O mapa continuou pegado, com os dois times ganhando rounds, sem que ninguém abrisse uma grande vantagem, o que fez com que o jogo fosse para o overtime. Já na primeira prorrogação, a MD3 foi decidida em favor da Astralis, que ganhou por 19 a 17 e garantiu a classificação.

Estudante de Publicidade e Propaganda, Athleticano sofredor, pintor de paredes do CS e escritor.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Lost Password