Counter-Strike: Global Offensive

Follow
9.3

Incrível

10

User Avg

Em dia de decisões, BIG e FURIA são campeões

As finais da DreamHack Open Summer EU e NA aconteceram neste domingo (16). A BIG enfrentou a Heroic, após uma semifinal complicada contra a OG. Já a FURIA jogou contra a Team Liquid, que eliminou os brasileiros da Team oNe.

Os alemães ficaram em primeiro no grupo A, ganhando da Endpoint e da própria Heroic. Assim como a BIG, os furiosos terminaram em primeiro em seu grupo.

Vitória tranquila da BIG

A primeira decisão foi a europeia, começando com uma disputa na Overpass. A BIG, em seu mapa de escolha, começou perdendo a primeira metade quando estavam pelo lado TR. Entretanto, do lado CT, conseguiram virar o jogo e fechar o placar em um 16 a 11.

Da mesma forma que na Overpass, os alemães começaram atrás no segundo duelo. A Heroic escolheu Inferno e ganhou a primeira metade pela diferença mínima, jogando como TR. E, novamente, a BIG se reergueu no jogo e ganhou por 16 a 12. Com a vitória no segundo mapa, os alemães ganharam a md3 e a final.

FURIA leva o título de virada

A final norte americana foi bem disputada. A FURIA escolheu Vertigo, que foi o primeiro mapa, e a briga para ver quem ficava a frente no placar começou cedo. Mesmo com o mapa sendo escolha dos furiosos, a Liquid se sentiu em casa. A primeira metade foi garantida pelos americanos por 8 a 7. Os brasileiros ainda chegaram a virar, na segunda metade, mas não conseguiram segurar a pressão da Liquid e o mapa terminou 16 a 11 para o time americano.

Na Nuke, foi a vez da FURIA levar o mapa. Sentiram-se confortáveis, no mapa de escolha da Liquid, e garantiram a primeira metade por 10 a 5. Já na segunda metade, chegaram a deixar o placar 14 a 7 para eles, mas os americanos acordaram para o jogo e empataram, levando para o overtime. Mesmo assim, não deu para a Liquid. Os brasileiros ganharam o OT por 19 a 16.

Então, o jogo foi decidido no terceiro, e último mapa, a Inferno. A FURIA começou muito bem, abrindo 7 a 1 no placar, mas os americanos logo encostaram e a primeira metade terminou 8 a 7 pros furiosos. Já do lado CT, com VINI brilhando, os brasileiros mantiveram a boa atuação e garantiram o mapa com 16 a 11 no placar, conquistando o título.

Estudante de Publicidade e Propaganda, Athleticano sofredor, pintor de paredes do CS e escritor.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

Lost Password